Fantasia e realidade

Fantasia e realidade

Fantasiando, visto minha vida
Vida suburbana atroz
Nenhum pouco velozimages
Na sombra ou no sol

Visto minha fantasia desnuda
Desnuda de esperteza
Quem dera eu a tivesse
Acometida de incertezas
Mas preservando na minha alma leveza

Fantasia vestida de coragem
Nenhum pouco utópica
Mas sonhador realista
Sem muita euforia
Não me atrevo nessa avenida
Gosto da realidade vestida de fantasia
Com uma couraça contra injustiça

Contente penso
Não me arrependo
Em me munir com essa vestimenta
Com muita sensibilidade
Para sobreviver, uma bela ferramenta
Minha vida, sem excessiva credulidade
Gerando uma espontânea felicidade

Foto: Google

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas