Soneto: Me ama em segredo, de Antonio Ferreira

Livro Poesias Reflexivasimages

Sei que tu olhas para mim

Me admira no inteiro

Observa meu perfil

E imagina um beijo meu primeiro

                                     

Quando bebe fala de mim

Fala até mal

Diz que não sou pra ninguém

Mas por mim chora e tal

                                     

Por que não vem e se declara

Diz que me ama

Mata comigo essa tua chama

                                     

Esconda-te no teu vinho

No teu mal falar

Mas à noite venha me amar

Foto: Pngtree

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas