Desejo, de Cleyson Gomes

Quero despir tua nudez com meu corpo

sentir teu suor em movimentos
suaves, rápidos, lentos
sentir tua força
tua língua
em minha
boca
Quero perder a razão num instante
de um abraço apertado
que não se aparte
não se estanque

Sentir tuas mãos firmes em minhas coxas
teus beijos quentes em meus seios
num arrepio que me deixa louca
Fico de quatro no ato
desato minhas pernas feito laço
mostro-te o vão do prazer
Adoro quando lambes minhas costas
e de leve, morde meu pescoço
feito cão mordendo osso
(num ato prazeroso e instintivo)
Vem sem pressa
sem essa de limite
explora meu corpo nesse ensejo
pois o que mais quero
mais que tudo
é o teu desejo.

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas