Narcoliricista mostra sua versatilidade lançando o single “Corre”

Mais uma vez o artista Narcoliricista mostra sua versatilidade lançando o single “Corre” que vem a pegada do Drill, um gênero musical que surgiu a partir do trap no ano de 2010 em Chicago e que tem chamando atenção no cenário nacional.

“O single é um recado pra mim mesmo de que eu preciso levantar a cabeça e seguir o meu caminho, fazer a minha correria”, frisa João.

O single é uma produção independente, com participação do guitarrista Lívio Nascimento e acompanhado de um visualizer. Mesmo acompanhando as tendências, o artista não deixa de cantar o que vive e com rimas fortes ele retrata o cenário de violência e a falta de políticas públicas na periferia da cidade. Além disso, o som também faz referência a correria e trabalho do dia a dia, e aos sonhos que pretende realizar como músico. O single tem produção da Rua 2 Produtora e produção executiva da Alas. Entretenimento, com captação de imagens da Atocada Produtora.

O verso surgiu num daqueles dias com altos e baixos, quando várias adversidades cruzaram o caminho do artista, sentindo a gélidas gotas da chuva que banhou o Narcoliricista inesperadamente. Enquanto pedalava, no interim entre a casa e o trabalho, ele refletia sobre ideias que desestruturam não só a sua mente, mas de muitos brasileiros em situação análoga. Foi quando o artista construiu os versos que compõem esse novo trabalho enquanto cruzava uma das pontes de Teresina e filosofava também sobre a ideia da estrutura que sustenta tantos transeuntes, sobre a ideia de ser ponte. “Corre” fala das batalhas enfrentadas no dia a dia, da política atual e dos desafios que é preciso superar.

Eis que veio o insight: “Levanta a cabeça, João. Faz teu corre!”

“Aquilo foi um lace libertador, até me arrepio ao falar disso, foi algo para ser sentido”, frisa João.

PRÉ SAVE DISPONÍVEL: Clique aqui para não perder o lançamento

Foto: Korina (@korinarodrs)

Sobre o Narcoliricista

João Victor Carvalho, mais conhecido como Narcoliricista, é artista, rapper e pessoalmente envolvido com a militância negra. Nasceu e cresceu na R21 (Zona Sul da capital) onde acumulou muitas vivências e desde cedo se envolveu com o Hip Hop. Seu último trabalho intitulado OMUP – Oscilações Mentais de um Preto, consolidou sua carreira solo surpreendendo na produção musical da QuilomboLoucoBeats e na qualidade da música, aliada à art/capa e Animação de artistas piauienses. Participa do coletivo NarcoCrew que também já vem fazendo vários projetos na quebrada como: Hip Hop Salva, Vandal Art, no qual a proposta é aproximar as quebradas, as periferias, da vontade de se envolver com arte, com a cultura hip hop em si, seja no graffiti, breaking, MC ou DJ. Atualmente Slammer, sendo vencedor do 3° Slam Biqueira – Sesc Caixeiral, lecionou oficina de Slam em 2019 e foi jurado na edição do ano seguinte. Entre os sucessos do OMUP destaca-se a música Intro(Ruptura) que chegou até a final do 25° Chapadão.

Conheça o trabalho do Narcoliricista

Instagram: https://www.instagram.com/narcoliricista/
Youtube: https://youtu.be/rYCtOWXNI0c
Spotify: Narcoliricista

Ficha técnica

Gravação: QuilomboLoucoBeats @quilomboloucobeats
Letra/Voz: Narcoliricista @narcoliricista
Mix/Master: Mudo @rua2produtora
Guitarra: Lívio Nascimento @livionrocha
Captação de imagens: @atocadaprodutora
Assistente de câmera: @__pta
Montagem: @joaoneto989
Direção de arte: @joaoneto989
Efeito e finalização: @sr.barcointeiro
Produção executiva/assessoria/Marketing: @sejaalas.ent

Total
6
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas