Sanatório, de Joana Maria Guimarães

SANATÓRIO

da memória salta o rosto:

olhar liso

riso oblíquo

é o irmão

a dar adeus atrás

                 das trincheiras

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas