sobre o realismo plástico artista: um homem em sua obra, de Luiz Filho de Oliveira

de tinta de sangue

fez-se teu nome – Fernando –

personalíssimo & transferível ao poema

pelo bendito ódio à vida

que se-gerou imagem sangüenta

de tanta pintura & quanta violência!

ah… quadro profundo!

teus punhos teu ventre teu grito teu estilo

compunham tua mais crua obra prima & derradeira

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas