Tem Zine porreta com Piauiense no meio

imagem: reprodução

  Converse lança Zine aprontado às mulheres e abarca movimento para ressignificar termos femininos. Liniker, MC Soffia, Alexandra Gurgel, Mariana Aydar e a arretada piauiense Luna Bastos encabeçam a segunda edição da zine e enfiam novos significados para o universo feminino.

  Mermã e essa Converse – uma das marcas mais apapagaida na moda e no street style mundial – lança a segunda edição da zine Sola aprontada apenas por mulheres e com depoimentos e novas definições dos termos femininos por Liniker, Mariana Aydar, MC Soffia, da youtber e emprtesária Alexandra Gurger e da acochada grafiteira e tatuadora Luna Bastos, responsável também pelas ilustrações. O projeto conta com textos da jornalista Julia Alves e da Zineira Bianca Muto. O lançamento aconteceu no eixo Rio – São Paulo. Armaria que coisa chique!

  Neste mudelo, nos dicionários atuais, a palavra MULHER ainda é definida comódi antiga e completamente equivocada, com termos como esposa, meretriz, rabo de saia. Essa definição arcaica foi o fio condutor para que as cinco personagens da zine compartilhassem seus novos significados de “mulher” e “garota”, além de cabuetarem casos de machismo reparados ao longo de suas vidas e carreiras ou vistos na sociedade. Usar a arte como forma de expressão, luta e resistência é o mantra da arretada e referência na arte piauiense Luna Bastos, negra, nordestina, grafiteira, ilustradora e tatuadora. “Existir como mulher negra é resistir. Intera!. A bicha é babadeira.

   A Zine papocará um espaço destacável para que todas as pessoas possam meter suas próprias definições relacionadas aos termos femininos, e que poderão ser enfiadas em urnas localizadas no Rio de Janeiro, e em São Paulo. Todo material coletado será utilizado em uma vivência que contará com Cris Lisboa como moderadora, e que de forma colaborativa dará origem a novos significados para estes termos.

  Como objetivo de ampliar essas novas definições foi criada e Verbetes Femininos, uma plataforma criada para suportar o movimento através de conteúdo gerado por apoiadoras e que também divulgará eventos relacionados ao tema.

  O movimento #RedefinaGarota #RedefinaMulher, bota pra moer! Objetiva papocar texicógrafos do mundo inteiro, que são especialistas que escrevem as definições e dos componentes do nosso vocabulário. A marca se agrudou com mais de 100 mulheres, de diversas áreas e regiões do Brasil, para que façam parte desse movimento de mudança.

   Armaria! Nossa Luna com essa zine integra a campanha global “Toda História É Verdade”, que convida mulheres e garotas para fuxicar histórias incríveis de superação, reflexão e empoderamento, com o objetivo de dá brecha para o gênero em suas próprias palavras e inspirar outras ao longo do caminho. Parabéns as Idealizadoras do Zine, e em especial nossa piauiense Luna Bastos pela estrondante atitude.

By: Luan Rodrigues

Fonte: www.inteligemcia.com.br

Total
0
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas