Estreia hoje no canal curta! o documentário “Torquato Imagem da Incompletude”

Estreia hoje no canal Curta! o desafiador documentário “Torquato Imagem da Incompletude”. A história remete a última fase da produção de Torquato Neto, em detrimento do momento tropicalista, quando o poeta articulou as manifestações de arte pública, a poesia visual, o cinema experimental, o mimeógrafo, que culminariam, entre outras fases, na elaboração da revista Navilouca, em colaboração com Waly Salomão, e no filme experimento “Terror da Vermelha”.

O tempo de criação do documentário durou quatro anos, a princípio para uma exposição, com curadoria do pesquisador de artes visuais Guga Carvalho, em Teresina. Posteriormente foram inseridos outros momentos da vida de Torquato Neto. Além de assinar a produção do filme, Guga Carvalho divide a direção com Danilo Carvalho. Os diretores conversaram com artistas visuais, curadores e cineastas, como Anna Bella Geiger, Ricardo Basbaum, Paulo Miyada, Raphael Fonseca, Luciano Figueiredo, Paula Gaitán, Carlos Vergara, Neville DÁlmeida, Antonio  Manuel, entre outros.

O documentário Imagem da Incompletude é uma reflexão sobre as obras e o pensamento dos últimos anos da produção de Torquato Neto: como a revista “Navilouca”, o filme “Terror da Vermelha”, a coluna “Geleia Geral” e a polêmica Cinema Novo X Marginal, entre outras passagens e letras memoráveis como Mamãe Coragem, Geleia Geral, Lets Play That, ou o poema Cogito. Importantes da cultura brasileira dos anos 60/70.

Os diretores do documentário preferiram tecer outros diálogos diferentes dos especialistas em Torquato para tentar descobrir nas conversas, os pontos de convergência e atravessamento, para assim ativar esta obra incontornável da passagem dos anos 60 para 70 no Brasil.

Dias e horários de exibição

07/04/2021 22:25:00
08/04/2021 02:25:00
08/04/2021 16:25:00
09/04/2021 10:25:00
10/04/2021 15:35:00
11/04/2021 22:40:00

Canalcurta.tv.br/filme/Torquato_imagem_da_incompletude

Fonte: http://www.btaudiovisual.com.br/home/job/22

Total
3
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas